2 Make Inspiração

Oi, gente! Tudo bem? Na quinta passada deixei vocês sem inspiração, mas hoje trouxe uma que valerá por duas, =). Tinha escolhido uma outra make pra vocês, mas fui pega de surpresa pelo talento da Evelyn Conversani. Conheci o trabalho dela no blog da Bruna Tavares - Pausa Para Feminices e como ela manda bem. Então, lá vai a make. 
 É ou não é um arrazo? Se alguém fizer me manda que quero ver como ficou. Beijos, até a próxima.

1 Adequando o cronograma às necessidades


Bom dia, flores!
Primeiramente quero me desculpar com vocês por não ter feito o post esperado ontem. Eu estava muito mal e ainda sem internet. Hoje tive que vir em uma lan house hahaha Me perdoem!
Enfim, hoje vou tentar ajuda-las na montagem no cronograma capilar de vocês. Como já disse antes, isso vai depender do conhecimento que você tem a respeito de seu cabelo. Então, vamos lá!

1) Cabelos fracos: Aumentar o número de reconstruções. No meu caso, tenho o cabelo descolorido e muuuuito acabado hahaha então, faço reconstrução até umas 4-5 vezes ao mês. Muita gente diria que este é um número muito alto, que o cabelo satura de queratina e reconstrução blábláblá mas eu acho que cada um entende do cabelo que tem e sabe as necessidades do momento. Além disso, essa história de “o cabelo satura de queratina e quebra” pra mim é invenção e paranoia das pessoas. Falo agora enquanto biomédica. Todos sabem que o corpo só guarda os nutrientes dos quais necessita. O que não é necessário é jogado fora. Assim ocorre com o cabelo. Pensem: a composição do cabelo é quase toda constituída por queratina, um cabelo descolorido perde essa massa. Então, nem se eu fizer reconstrução em toda lavada meu cabelo vai saturar de queratina! Gente, nem cabelo virgem tem a quantidade necessária de queratina nos fios! Eles sofrem com o vento, sol, cloro da água do chuveiro mesmo, secador, chapinha... é muito dano! Enfim, no caso de cabelos fracos aumentar as reconstruções. Pode ser H-N-R e sempre seguir esse fluxo até notar a melhora do cabelo e novas necessidades. Se o cabelo estiver fragilizado, elástico, ACABADO, muitos recomendam que se faça reconstruções em toda lavada até a recuperação. Eu faço isso no meu e dá certo. Portanto, conheça seu cabelo!

2) Cabelos duros e sem maleabilidade: Aumentar as nutrições! Abuse também dos óleos naturais, como eu disse antes, eles são a salvação para muitos cabelos! Eu AMO o óleo de coco! Pode tentar fazer H-N-N e colocar a reconstrução 1-2 vezes por mês, dependendo da sua necessidade.

3) Cabelo sem maciez: Aumentar as hidratações! Tente H-H-N, não esquecendo também das reconstruções!

4) Cabelos pouco danificados, com tinturas ou químicas fracas:  H-N-H/ H-H-N/ H-N-H/ H-N-R (essa é a rotina do mês! cada sequência corresponde a uma semana de tratamento).

5) Cabelos danificados, descoloridos: H-N-R/ N-N-R/ H-N-R/ N-N-R (novamente o mês de tratamento).

Encontrei essa tabela no google e espero que ajude mais vocês:


Lembrando que, apesar da tabela ser bem completa e explicativa, eu prefiro aumentar o número de reconstruções em cabelos muito danificados e danificados. Ao menos 3-4 no primeiro caso e 2 no segundo caso.
Por hoje foi isso, flores! Espero que tenham gostado e tenha ajudado a esclarecer um pouco mais pra vocês!
Desculpem mais uma vez!
Um beijo e muita luz.


11 Base Craquelando? Isso é um problema de pele!

Hello Gatas!


No final de semana, ao maquiar uma cliente, a pele ficou toda craquelada, com aspecto grosseiro, nada natural. Fiquei indignada, pois só uso produtos de qualidade indiscutível e isso nunca havia acontecido. Consegui dar um jeito usando esponjinha úmida, mas fiquei muito chateada! Cheguei em casa e fui ás pesquisas.Olha o que eu descobri:  Base craquelada não tem nada a ver com o produto, mas com a pele!

Esse resultado craquelado é causado pela desidratação da pele, ou seja, o organismo suga toda a água do produto. Como aqui na minha região é muuiiitto quente, a maioria das pessoas tem a pele oleosa ou no máximo mista, mas no caso da cliente, ela estava fazendo um tratamento com ácido, e isso explica o ressecamento da pele.

Para evitar que isso aconteça, segue aqui algumas dicas: 
- Tome muita água (pelo menos 2 litros por dia);
- Use protetor solar todos os dias (Hahaha eu disse que ia repetir isso em quase todos os posts!). Os raios solares fazem com que ocorra a desidratação;
- Reforçar a hidratação da pele, abuse do hidratante pela manhã, isso faz com que a água seja atraída para as células, dando viço à pele;
- Usar hidratante antes do primer. O hidratante repõe a água e o primer forma uma barreira não deixando a água "fugir";
- Diluir a base e o corretivo em um pouco de água termal, nem sempre dá certo, mas é uma opção;
- Dar preferência a corretivo e base líquido e com promessa de hidratação (com óleos vegetais como semente de uva, girassol...).
- Não aplique um quilo de produto, isso aumenta a chance de craquelar.

Então meninas, o segredo é esse hidratar, hidratar e hidratar... por dentro e por fora!

Espero muito que tenham gostado e que essas dicas sejam úteis pra vocês!

Bjinhosss!!!


8 Make Inspiração

Anitta sempre chamou a minha atenção por não caprichar muito em suas makes, ainda mais no quesito pele. Muitas vezes comentei a respeito de sua maquiagem, que parecia pesada e sem tratamentos anteriores para que a make ficasse mais bonita. Mas em sua última aparição na última terça dia 05, Anitta me deixou boquiaberta com uma maquiagem perfeita, um smokey eyes lindo e uma pele impecável e iluminada.
Então trouxe para vocês como inspiração para o final de semana que se aproxima.
O que me dizem?
Beijos e até mais...



1 Entendendo e combatendo os danos!

Olá flores! Tudo bem?
Vamos tentar identificar os problemas dos nossos cabelitchos? Digo tentar porque, como já falei antes, o conhecimento a respeito dos fios requer prática e tempo. Só com muita intimidade pra conseguirmos entender efetivamente o que o cabelo está nos pedindo. Pois bem, existem diferentes formas de se identificar alguns dos problemas que podemos encontrar. Vou explicar algumas mais simples e que já vão ajudar bastante.


     1)     Avaliar a elasticidade do cabelo:
Arranque alguns fios de diferentes partes da cabeça. Enrole as extremidades nos dedos indicadores e puxe lentamente no sentido contrário até arrebentar o fio. Se você mal puxa o fio e ele já quebra, seu cabelo está sem elasticidade e força nenhuma! Precisa de tudo, principalmente H e N (foco nelas!); Se você puxa, o fio se estica, mas não volta ao normal, o fio está extremamente elástico, precisa de R; Se você puxa e o fio está até resistente, mas sem elasticidade e se quebra, N nele! Mas se quando você puxa, ele tem elasticidade, volta ao normal e resiste à quebra (só forçando pra partir), você é uma das poucas com cabelo saudável!hahaha

2)      Teste de porosidade
Para este, vamos fazer dois testes bem simples:
a)      Segure o fio pela ponta e deslize o indicador e polegar (fazendo uma pinça, garra) do bulbo (extremidade da raiz) até a ponta e depois, faça o mesmo só que em sentido oposto, da ponta para a raiz. Se você sentir em grande atrito no caminho inverso (da ponta para a raiz), como se existissem grãos de areia no fio, seu cabelo está poroso. Ou seja, as escamas estão abertas. Nesse caso, o tratamento até penetra no fio, mas não é retido, ao lavar você já sente que todo o tratamento foi pelo ralo.
b)      Com o cabelo limpo e sem finalizadores, arranque alguns fios e os coloque em um pequeno potinho com água. Se o fio afundar rápido, seu cabelo está poroso!

Mas por que isso tudo pode acontecer? Bom, normalmente um fio elástico é um cabelo emborrachado, sem vida. Isso ocorre devido ao uso excessivo de químicas, como tintura, descoloração, alisamento, relaxamento ou incompatibilidade de químicas. O cabelo fica parecendo um ninho de tão embolado rs Já o problema da porosidade indica que as escamas do cabelo estão abertas, uma incompatibilidade de pH. Pode ser causado por uso excessivo de químicas, uso de produtos com pH alto (básico), descolorações...
O que fazer? Para recuperar a elasticidade do cabelo, é recomendado intensificar as R, até que o fio se recupere. Mas nunca deixe de lado as H e N! É muito bom também investir em óleos naturais para umectar (você passa o óleo no cabelo e deixa agir por, no mínimo 2h), como óleo de coco (ajuda na elasticidade e porosidade). Outra dica ótima para tratar a porosidade é a associação do mel com ceramidas: você aplica o mel, deixa agir por uns 20 minutos e então, sem enxaguar, aplica uma máscara com ceramidas (se não tiver, acrescente ampolas de ceramidas a uma máscara de N), deixe agir o tempo indicado e pronto! É muito bom também e necessário estabilizar o pH dos fios. Nesse caso, faça reconstruções ácidas (existem kits pra isso e receitas diversas) e/ou use vinagre em suas lavagens! Gosto de usar após o shampoo e após a máscara. Misture ¼ ou ⅓ de copo ou xícara de vinagre e complete com água. Jogue diretamente nos cabelos.

No blog da Ju Lopes – Juro Valendo – encontrei um guia com proteínas que vão te ajudar na hora que recuperar seus fios:


Ela diz que “os aminoácidos indicados para proporcionar resistência são a serina, a cisteína, a glicínia, a treonina, tirosina, glutamina e aspargina. Já para redensificação da fibra (“engrossar os fios”), os mais indicados são a serina, a treonina e a tirosina”.

Bom, é isso!
Espero que tenham gostado.

Beijos e muita luz!

1 Mitos sobre dietas

Oi Meninas!!! 

Como foi a semana de vcs? Estão lembrando do protetor solar???

Agora chega de blá-blá-blá e vamos saber o que é verdade ou mito quando o assunto é dieta.

Água morna com limão emagrece?

Verdade. A mistura ajuda as enzimas do fígado a funcionarem melhor desentoxicando o organismo. Em jejum beba 200 ml de agua morna com suco de meio limão e aguarde 30 minutos para tomar o café da manhã.

Sal engorda?

Mito. O que ele causa é retenção de líquidos, se consumido em excesso. Para eliminar o sódio do corpo, beba dois litros de água por dia e coma alimentos ricos em potássio (banana, laranja e tomate), cálcio (peixe, derivados do leite e vegetais verde escuro) e magnésio (cereais integrais).

Chá de gengibre acelera o metabolismo?

Verdade. A explicação está no fitoquímicos, substancias que elevam a temperatura corporal, faavorecendo a queima de gorduras, ferva um pedacinho de gengibre em 500 ml de água e beba uma xícara após as refeições.

Vinagre derrete gordura?

Verdade. Além de aumentar o gasto calórico, o tempero ainda estimula o fígado a eliminar toxinas. Misture 50 ml de vinagre de maçã ou de arroz na mesma medida de água morna e beba antes das principais refeições.

Abacaxi afina a silhueta?

Verdade. A fruta é rica em água e age como alimento diurético, evitando a retenção de liquidos.

Azeite não engorda?

Mito. O azeite é fonte de gordura monoinsaturada que é benéfica para o coração. Mas quando se trata de calorias, tem tanto quanto qualquer outro óleo vegetal. Cuidado!

Fumar emagrece?

Mito. O fumo não tem nenhuma relação com ganho e perda de peso. O fumo mata e não deve ser incentivado. O que acontece é que as pessoas que param de fumar acabam ficando mais ansiosas e, consequentemente, comem mais, por isso engordam.

E daí, meninas, viram? Muitas das receitinhas da vovó funcionam sim. Mas claro, é sempre bom consultar uma nutricionista e praticar atividade física. Só esses truques não vão resolver nosso problema (que pena!) Não existe mágica, para emagrecer tem que fazer reeducação alimentar e atividade física!

Espero que tenham gostado!

Bjusss!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Boneca de Luxo - 2013. Todos os direitos reservados.
Layout criado por: Aline Soares.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo